Dr. Miguel Andrade

Tem dúvidas? Fale comigo.

Consulta 3D

Clique aqui

Qual a prótese mamária de silicone adequada para mim?

Download eBook grátis

Mamoplastia de Aumento

O que é uma Mamoplastia de Aumento?


A Mamoplastia de Aumento é uma técnica cirúrgica para aumentar o tamanho das mamas. 

Também permite a correcção de uma ptose ligeira (designada habitualmente por mamas descaídas) e aumentar um pouco a firmeza das mesmas.

Vejo o vídeo:
 

Quando está aconselhado fazer uma Mamoplastia de Aumento?

Pode efectuar esta técnica se achar que as suas mamas são muito pequenas ou desproporcionadas em relação ao seu corpo; também pode ser útil no caso do tamanho das mamas ser assimétrico ou ainda quando tenha havido uma diminuição do tamanho, como por exemplo após a gravidez ou após uma dieta de emagrecimento.

Como é que esta técnica me pode ajudar?
Caso deseje fazer uma Mamoplastia de Aumento deve começar por consultar um Cirurgião Plástico e Estético, inscrito na Ordem dos Médicos (www.ordemdosmedicos.pt) e na Sociedade Portuguesa de Cirurgia Plástica, Reconstrutiva e Estética (www.spcpre.org.pt).

 

Deve expôr abertamente os seus objectivos e expectativas acerca da cirurgia. 


Deve, contudo, ficar com a ideia que o resultado que se pretende é melhorar e não atingir a perfeição.

Devo ficar internada ?

Em geral não. 
 

Pode ser submetida a uma anestesia local com sedação e ir para casa no próprio dia. Deve discutir os pormenores com o seu Cirurgião. 

Como é que é realizada a Mamoplastia de Aumento?
Actualmente existem várias técnicas para se efectuar uma Mamoplastia de Aumento, implicando sempre a introdução de um implante (prótese) atrás do músculo peitoral ou do tecido glandular ou então atrás da fascia (subfascial).
 

Esta introdução é feita através de uma pequena incisão que pode estar localizada na axila, no sulco mamário ou à volta da areola. 

 

O seu Cirurgião Plástico e Estético determinará qual a via de abordagem mais adequada para o seu caso em particular.

Existem alguns efeitos adversos desta intervenção cirúrgica?

Em geral apresenta nas mamas algumas equimoses (nódoas negras) e edema (inchaço) durante 2 a 3 semanas. 
 

Por vezes forma-se uma cápsula de tecido fibroso á volta da prótese o que faz com que a mama se torne dura à palpação. 


Uma das próteses também pode ficar localizada um pouco abaixo ou acima da outra. Nos implantes preenchidos com soro fisiológico pode ocorrer uma diminuição do volume, o que pode justificar a sua substituição, embora actualmente os implantes de soro fisiológico praticamente não são utilizados. 


Actualmente não existe evidência que os implantes utilizados provoquem cancro da mama ou interfiram com a amamentação.

Esta intervenção cirúrgica é feita sem cicatrizes?

Não. 
Tal como todas as cirurgias, esta também tem cicatrizes. 


Contudo, o seu Cirurgião fará, com certeza, todos os esforços para que as suas cicatrizes sejam o menos visíveis possível.

Em geral têm apenas alguns centímetros e estão localizadas em locais que praticamente se tornam imperceptíveis com o tempo. 

Qual a importância dos factores psicológicos para a realização da Mamoplastia de Aumento?

A estabilidade emocional é o factor primordial na realização de uma intervenção cirúrgica de natureza estética. 


Um aumento mamário não é por si só uma garantia para uma melhoria de vida ou um meio para resolução de todos os problemas pessoais; uma Mamoplastia de Aumento melhora a sua aparência e renova a sua autoconfiança, tudo o resto fica por sua conta.  

Que resultados devo esperar?

O objectivo da cirurgia é aumentar as mamas para um tamanho proporcionado com o seu tronco. 
 

O seu Cirurgião é a melhor pessoa para determinar se as suas expectativas são realistas.  

Quando posso retomar a minha actividade normal?

Deve estar em condições de retomar a sua actividade em 2 a 3 semanas, embora deva esperar um pouco mais para iniciar a realização de exercício físico mais intenso. 
 

O retomar o trabalho ou a sua actividade diária é uma questão pessoal e o seu Cirurgião dar-lhe-á os conselhos adequados. 

Nova Técnica: Mamoplastia de Aumento Subfascial

Esta recente técnica de realização de mamoplastia de aumento, com utilização de implantes anatómicos ou redondos, veio revolucionar as possibilidades já existentes de aumento mamário.

O sucesso desta técnica deve-se ao óptimo resultado estético uma vez que permite a conjugação dos benefícios das técnicas subglandular e submuscular, sem as suas desvantagens.

Está especialmente indicado em mulheres:
 

  • Com peito pequeno;
  • Que deram de amamentar e ocorreu uma redução do volume mamário.

    As vantagens desta técnica são:
     
  • Evitar a deformação do implante (que pode ocorrer na posição subpeitoral);
  • Minimizar a proeminência do rebordo do implante (que pode ocorrer na posição subglandular).

A Mamoplastia de Aumento Subfascial tem praticamente as vantagens da colocação dos implantes atrás do músculo, mas sem ser necessário a sua dissecção (separação das inserções musculares das costelas).

Cada vez mais  temos optado por utilizar a técnica subfascial, por qualquer umas das vias de abordagem mais frequentes (axilar, periareolar ou submamária), caso as condições clinicas o permitam.

 

Esta técnica é menos traumática para o paciente que a técnica submuscular, resultando um pós-operatório menos doloroso e com menos limitações.

Mamoplastia de Aumento e preços

Todos os casos de Mamoplastia de Aumento são diferentes.

 

Explique-nos o seu através do Formulário de Contacto e ser-lhe-á indicado um intervalo de valores em que poderá ficar a resolução do seu problema.

Ao usar este website, está a aceitar a utilização de cookies para análise, conteúdo personalizado e apresentação de anúncios.