Dr. Miguel Andrade

Tem dúvidas? Fale comigo.

Consulta 3D

Clique aqui

Endermologie®

CELULITE
No passado a celulite estava associada a perturbações lipídicas, contudo, pesquisas mais recentes vieram clarificar a sua etiologia (origem).

O próprio nome – CELULITE – é uma combinação do termo francês para designar célula - Cellule - e o sufixo - ite, que significa doença.

A celulite, era conhecida na comunidade científica como uma lipodistrofia localizada, que se traduzia pela acumulação de gordura numa ou várias zonas específicas do corpo.
Relacionava-se a celulite com a obesidade, o que não é verdade; se assim fosse porque é que as pessoas magras têm celulite?
Pesquisas recentes mostraram que de facto a celulite tem menos a ver com as células de gordura do que se pensava; Tem mais a ver com o tecido conjuntivo que rodeia e mantém no local as referidas células de gordura; quando este fica laxo o tecido adiposo tende a ficar saliente, dando o aspecto em “casca de laranja” (deste modo a redução da quantidade de gordura reduz a aparência de celulite mas não elimina a causa). 

Outras das causas de Celulite são:

  • Diminuição da circulação em geral e da drenagem linfática
  • Alterações hormonais (excesso de estrogénio) com o ciclo menstrual, gravidez e menopausa; Daí existirem certos tratamentos hormonais (mas têm efeitos secundários) para o tratamento da celulite;
  • Hereditariedade;
  • Dieta (aditivos alimentares, conservantes).
Na presença destas causas múltiplas ou factores agravantes teremos que actuar no maior numero possível destes para obter melhor resultados.

Existem variados e múltiplos tratamentos para tentar resolver estes problemas, mas a maioria deles não consegue uma melhoria objectiva considerável.

O que é a CELULITE?

Celulite é uma alteração cutânea que se traduz macroscopicamente pelo aspecto de “ casca de laranja” que afecta mais de 90% dos indivíduos do sexo feminino.

Há uma prevalência maior nos países desenvolvidos onde há um maior consumo de proteínas e gordura nas dietas.

A que é devido o aspecto em “ casca de laranja”?

Clinicamente a aparência de uma pele com celulite resulta de uma aumento dos lóbulos de gordura localizados debaixo da pele e este aspecto resulta da acção de duas forças opostas:

  • Forças verticais efectuadas pelo tecido conjuntivo com perda de elasticidade, que fixam e puxam a pele para a profundidade;
  • Forças opostas provocadas pela retenção de líquidos e aumento do volume das células adiposas.

Na realidade existe um ciclo vicioso que envolve a retenção de líquidos, aumento do volume das células adiposas e alteração do tecido conjuntivo.

Existem quatro estádios de Celulite:

O grau de celulite varia de pessoa para pessoa e na mesma pessoa, normelmente, vai agravando.

Os graus definidos são:

0 - Deitado e em pé sem celulite; apenas tem celulite se fizer uma prega na pele;
1 - Deitado e em pé sem celulite; com teste positivo;
2 - Deitado sem celulite; em pé tem aspecto em “casca de laranja”
3 -  Tem aspecto em “casca de laranja”

A celulite não melhora com o emagrecimento, exercício físico, cremes ou até mesmo com a lipoaspiração.

TRATAMENTOS POSSÍVEIS
Os Cremes

Os cremes para a celulite actuam por um efeito lipolítico ou através do aumento da microcirculação local.

No 1º caso provocam um aumento da capacidade dos adipócitos para libertar a gordura que contêm no seu interior .

No 2º caso, ao provocarem um aumento de circulação, provocam um aumento de drenagem e consequentemente uma diminuição do edema.

Como é óbvio é necessário que o princípio activo penetre na pele.

Mesoterapia

A mesoterapia é um dos primeiros tratamentos médicos para a celulite.

Consiste na injecção na derme de um produto com o objectivo de melhorar a microcirculação local, e deste modo a drenagem, além de terem acção lipolitica.

Em geral efectua-se em 8 – 10 sessões com 1 a 2 semanas de intervalo.

Tratamentos Electrofisiológicos
Estes tratamentos utilizam correntes eléctricas (electrolipólise) ou ultrasons; aplicam-se através de electródos (placas ou agulhas) colocadas nas zonas a tratar.

Os princípios destes tratamentos,  em geral, são os mesmos: melhorar a circulação local de forma a drenar os tecidos.
Exercício Físico (aeróbico e anaeróbico)

O exercicio fisico melhora a circulação arterial e venosa em geral e favorece a oxigenação dos tecidos.

Permite também um consumo de calorias e possível lipólise e preserva a massa muscular

Endermologia

A endermologia é um dos métodos mais recentes para o tratamento da celulite.

Temos vários doentes/pacientes que tentaram em vão remover a celulite com regimes de dieta e exercício, cremes, recurso a medicina alternativa mas que tal não foi possivel; e com esta forma de tratamento revolucionário obtiveram resultados muito compensadores.

Nos anos 80 um engenheiro francês de nome Louis Paul Guitay, que estava a receber tratamentos de fisioterapia para tratamento de cicatrizes sequela de um acidente, verificou melhorias significativas a nível do aspecto de pele que rodeava as cicatrizes.

Este aparelho possui uma cabeça que permite a combinação de duas acções terapêuticas : uma sucção suave aliada à acção de dois rolos monitorizados que criam uma prega cutânea simétrica.

Com isto queremos dizer que a pele é levantada pela sucção enquanto os rolos actuam e tratam a prega cutânea.


São aplicadas várias manobras diferentes, inicialmente no dorso, depois nas nádegas, coxas, pernas e finalmente no abdómen.

A endermologua actua nos planos cutâneo e subcutâneo, nomeadamente no tecido conjuntivo, tecido adiposo e estruturas vasculares e linfáticas.

Tratamento após tratamento a microcirculação local é activada facilitando a remoção  de água, (facilitando a lipólise), e são estimulados os fibroblastos (células que dão origem ao tecido conjuntivo ) levando a uma renovação do colagéneo e do tecido conjuntivo consequentemente.

Em resumo, a circulação é melhorada, o colagéneo aumenta e as fibras de tecido conjuntivo ficam com mais tensão dando um aspecto de pele mais lisa.

Cada sessão de tratamento tem uma duração de 35 minutos; o técnico individualiza o tratamento de cada pessoa dando mais atenção às áreas onde a celulite está mais acentuada.

O que faz a Endermologia de diferente em relação às outras técnicas?
A endermologia é a única técnica que utiliza a combinação de sucção e a acção de dois rolos monitorizados simultâneamente.

Com a endermologia é como se fizesse ginástica na pele e tecidos subjacentes e o que as pessoas referem após o tratamento é uma sensação de uma massagem profunda.

Diferencia-se de massagem manual dado que estas variam consoante a pessoa que faz e o nível de pressões aplicadas pelo terapeuta (que são impossíveis de uniformizar ).
Existem alguns efeitos secundários?

Não.

Qual a duração de cada sessão?

Cerca de 35 minutos.

A área onde existe mais celulite é a área onde se trabalha mais, mas também se tratam outras áreas para estimular a circulação em geral.

Quantas sessões são necessárias para se verem resultados?

Normalmente começa-se a ver efeitos ao fim de 5 a 7 sessões, e o número total de sessões é de 15 a 20, sendo recomendado a realização de 2 a 3 por semana (mais de 3 sessões / semana não acelera os resultados).

Será necessário um tratamento de manutenção de cerca de 1/ mês, após o fim do conjunto inicial.

Este tratamento substitui o exercício físico?
Não.

De facto é recomendado um regime alimentar equilibrado e a prática de exercício físico regular; a dieta e o exercício afectam a gordura profunda, mas não actuam na causa da celulite que se localiza nas camadas superficiais da pele.
E isto é tanto verdade que nós sabemos que senhoras que fazem exercício regularmente e têm uma dieta pobre em gorduras também têm celulite.

Para se realizar o tratamento usa-se um fato adequado e individualizado que alem de ser higiénico permite o deslize fácil da cabeça da máquina.

Certas pessoas respondem melhor ao tratamento que outras; deve saber-se qual o tipo de tratamento mais adequado a cada um.

Em qualquer tratamento é necessário conservar os resultados e evitar o agravamento da celulite.
Endermologia e Lipoaspiração, qual é o melhor?
Não é possível fazer qualquer comparação.

É necessário ter em mente o que de facto é a celulite, qual é a(s) sua(s) causas.

A Endermologia utiliza uma máquina altamente específica que se baseia num programa computadorizado e que é efectuada por um profissional especializado.

Os resultados melhores são obtidos com 1 a 2 sessões/semana e os pacientes referem uma sensação de bem-estar como se tivessem tido uma massagem de relaxamento.

Os primeiros resultados começam a verificar-se ao fim de 5 a 7 sessões e em média são necessárias 15 a 20 sessões para se obter um resultado consistente; após o fim deste ciclo recomenda-se a realização de 1 sessão/mês de manutenção.

A Endermologia também está aconselhada após a realização de uma lipoaspiração para a obtenção de uma melhoria dos resultados e de uma superfície mais lisa e regular.

O tratamento é efectuado com um fato que além de facilitar um deslizar da cabeça da máquina é higiénico.

A Lipoaspiração, pelo contrário é um procedimento cirúrgico efectuado por meio de uns tubos, designados de cânulas ligadas a um aparelho com o objectivo, de retirar as células adiposas de uma forma permanente.
Dado que o número de células adiposas é constante, uma vez removidas, o contorno corporal altera.
Caso aumente de peso após a lipoaspiração a gordura que se acumula é inicialmente, nos locais que não foram lipoaspirados.
Ao usar este website, está a aceitar a utilização de cookies para análise, conteúdo personalizado e apresentação de anúncios.